Creche e Jardim de Infância Dandélio

“Só é possível ensinar uma criança a amar, amando-a.” (Goethe , Johann)

Contactos

Rua Vicente Pindela, 30
3030-030 Coimbra
Telefone: 239716253 / 969788614
Email: dandelio@appacdmcoimbra.pt
Horário de Funcionamento: 7:30H às 19:00H

CRECHE

A Creche da APPACDM de Coimbra é uma resposta social de natureza socioeducativa, vocacionada para o apoio à família e à criança, destinada a acolher crianças até aos 3 anos de idade, durante o período correspondente ao impedimento dos pais ou de quem exerça as responsabilidades parentais.

De um modo mais concreto, constituem objetivos da creche:

  • facilitar a conciliação da vida familiar e profissional do agregado familiar;
  • colaborar com a família numa partilha de cuidados e responsabilidades em todo o processo educativo;
  • assegurar um atendimento individual e personalizado em função das necessidades específicas de cada criança;
  • prevenir e despistar precocemente qualquer inadaptação, deficiência ou situação de risco, assegurando o encaminhamento mais adequado;
  • Proporcionar condições para o desenvolvimento integral da criança, num ambiente de segurança física e afetiva;
  • Incutir hábitos de higiene e de defesa da saúde;
  • Promover a articulação com outros serviços existentes na comunidade.

JARDIM DE INFÂNCIA

O Jardim de Infância é uma resposta educativa para crianças dos 3 aos 6 anos, que se estrutura e organiza no sentido de promover o desenvolvimento global harmonioso de cada criança, prestando-lhe apoio de qualidade, que potencie as suas capacidades, valorizan-se se a unicidade de cada criança, de cada família e o mundo afetivo e relacional necessário à formação da sua personalidade e identidade em estreita colaboração com a família/responsável legal.

São objetivos específicos do jardim-de infância:

  • Fomentaro jogo livre e espontâneo, apoiando o estabelecimento de relações e atitudes de socialização
  • Desenvolver a expressão corporal, expressão gráfica, a linguagem, a imaginação e criatividade
  • Utilizar várias modalidades de representação como meio de expressão, desenvolvendo jogos dramáticos, jogo poético,
    • rimas e lengalengas, atividades plásticas e possibilidades dos diferentes órgãos dos sentidos
  • Desenvolver a orientação e as noções de espaço e tempo
  • Desenvolver a noção de partilha, responsabilização e cooperação
  • Desenvolver o pensamento lógico-matemático, estimular o gosto pelo livro como fonte de informação e incentivar o gosto pela escrita (desenvolvimento dos pré-requisitos para a futura aquisição da leitura e escrita, no1º ciclo)
  • Fomentar a partilha de saberes entre gerações, bem como favorecer o conhec mento de si e dos outros;
  • Desenvolver a capacidade de tomada de decisão e a auto-estima;
  • Favorecer o desenvolvimento da autonomia.

 

Os grupos-sala de Pré Escolar são constituídos por crianças de idades heterogéneas, em grupos de 25 crianças cada.

A Creche e jardim de infância Dandélio, da APPACDM de Coimbra, têm como missão específica a educação e inclusão de crianças dos 0 aos 6 anos, através da arte e da ciência, e tendo como base teórica a investigação de relevo ao nível da arte na infância, da iniciação à arte, das vantagens da aprendizagem em contextos naturais e às diversas formas de aprendizagem e apreensão do mundo.

Neste projeto educativo, apostámos em conciliar duas vertentes que acreditamos serem complementares para a descoberta do mundo, permitindo o desenvolvimento do espírito crítico, da criatividade e da resolução de problemas, do crescimento enquanto ser autónomo e autodeterminado.

Reconhece-se a importância fundamental de desenvolver ferramentas que permitam a compreensão do mundo que nos rodeia e despertar a curiosidade e o pensamento crítico. Nesse sentido, o estabelecimento de parcerias com entidades relevantes da comunidade permite o desenvolvimento de projetos que nascem em dois sentidos: de fora para dentro e de dentro para fora, onde as fronteiras entre a creche e JI e a comunidade se abrem mutuamente e possibilitam novas formas de abordagem aos objetivos definidos para as idades apoiadas.

 

Um dos primeiros objetivos da educação para a primeira infância, assim como de toda a educação, é desenvolver o conhecimento nas crianças” (Spodek & Saracho, 1998).

 

Deixa-me ser assim, o desenho das flores agora é uma casa e isto são brinquedos, e eu estava aqui…hum…não, este é o meu pai e este sou eu, e agora estávamos a andar de carro…” (criança de 5 anos, em processo criativo).

 

Perspetivamos a Arte como forma de aceder ao mundo; desenvolver conhecimento; expressar-se não-verbalmente; expressar-se criativamente. Reconhecemos que esta forma de aceder ao conhecimento é tão importante quanto os pré-requisitos para a escrita e a leitura. A introdução precoce das artes no ensino providencia a possibilidade de se interrogar sobre o mundo, ver e ouvir, aprender através de imagens, pensamentos e ideias e, no jogo, acomodar as aprendizagens feitas através de todos os canais sensoriais. Valoriza-se a espontaneidade, o jogo e a experimentação em diferentes suportes, que possibilita ainda a expressão em crianças com necessidades especiais e problemas de comportamento. Perspetivamos ainda a ciência como elemento estruturante da vida moderna: vivendo numa sociedade altamente científica e tecnológica, as crianças contactam desde cedo com equipamentos como telemóveis, computadores portáteis, Ipad’s, leitores de música e consolas – a vida diária das crianças está plena de oportunidades de aprendizagem científica que constituem oportunidades maravilhosas de aprendizagem: desde a observação dos efeitos das mudanças de estação, à observação de objetos que flutuam na água, ao pontapé que se dá na bola, à observação ao espelho, ao bolo que fermenta e à luz que se transforma com as estações…as possibilidades de aprendizagem situam-se no contexto do que a criança pode ver, tocar, sentir, apreender através dos lugares e materiais disponíveis seja na natureza, seja no espaço do jardim de infância: as crianças envolvem-se física e mentalmente na construção do saber.